quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

O que é Melasma?

Boa tarde! Aos poucos vou repassando os posts da minha página para o blog! Mas não vou abandonar a página não! Apenas aumentar o veículo de publicação! Então, continuando, você sabe o que é Melasma? Sofre com esse mal ou conhece alguém que enfrenta esse pesadelo? Então venha descobrir mais sobre isso!

  • O que é?
São manchas escuras que surgem na pele, principalmente na região do rosto, mas também pode aparecer em outras regiões que ficam expostas ao sol como colo e braços. É mais comum em mulheres do que em em homens, na faixa etária de 20 a 30 anos e de maior incidência em peles mais escuras. Distúrbios hormonais estão muito relacionados, aumentando sua incidência durante a gravidez, quando recebe o nome de cloasma gravidico. As cores variam de acordo com o tom de pele da pessoa e o formato é irregular e, normalmente, simétrico, sendo igual dos dois lados do rosto.

Tipos
Existem 3 tipos de Melasma:
  • Superficial:  Quando há depósito aumentado de pigmento através da epiderme (camada mais superficial da pele).
  • Profundo: Caracterizado pelo depósito de melanina ao redor dos vasos superficiais e profundos (a nível dérmico)
  • Misto: Quando se tem excesso de pigmento na epiderme em certas áreas e na derme em outras regiões

O Melasma normalmente segue padrões de mancha, sendo que ele pode ser classificado de acordo com a região facial:
  • Malar (maçãs do rosto)
  • Centrofacial (testa, bochechas, acima do lábio, nariz e queixo)
  • Mandibular, conforme a região em que aparece.


  • Causas do Melasma:
Não existe um só fator definido como causa do Melasma. Seu surgimento está diretamente ligado a exposição solar, exposição a fontes de calor, uso de medicações, principalmente a base de hormônios, suplementos, gravidez, predisposição genetica, endocrinopatias, dentre outros.
A luz ultravioleta emitida pelo sol e o calor estimulam os melanócitos a produzirem melanina (pigmento que da cor a pele). Uma vez que a mancha apareceu e tratada ela pode retornar a qualquer estímulo.

  • Tratamento:
O tratamento depende muito da avaliação feita na consulta, para avaliar o tamanho da mancha e grau de comprometimento contamos com a Luz de Wood ( já expliquei aqui sobre ela!) Infelizmente o Melasma não tem cura, existem tratamentos para tentar retrair a mancha e cuidados diários que a pessoa deve ter para evitar o reaparecimento delas. Dentre esses cuidados estão o uso constante de protetor solar de amplo espectro (proteção contra UVA e UVB) com FPS mínimo de 30 e reposição a cada 3h, independente do sol estar aparecendo ou não!
Para as manchas que já apareceram podemos tratar com peelings, LIP, medicamento de uso tópico com hidroquinona ou alguns ácidos, medicamento de uso oral, dentre outras metodologias. Tratamentos feitos por pessoas não especializadas e por indicação de amigos são estritamente proibidos, pois nenhuma mancha é igual a outra, cada organismo responde de um jeito e tudo isso pode levar ao efeito rebote ( tenta tratar a mancha mas o efeito é contrário, piorando a mancha ou ainda formando manchas hipocromicas - branca- que são ainda piores de serem tratadas) por isso é de suma importância consultar com um especialista!
Espero que tenha ajudado! Dúvidas podem deixar nos comentários que respondo assim que possível!

Hasta lá Próxima, Baby!
XOXO 

Um comentário:

  1. There are numerous Medical Treatment for Melasma which might improve the presence. Superficial pigmentation is easier to treat than deep pigmentation. If melasma happens during pregnancy, it might resolve on its own within a few months after delivery and recovery may not be required.

    ResponderExcluir